sexta-feira, 24 de janeiro de 2014

Reconciliar-se com o Criador?

Normalmente, quando alguém indaga sobre ‘salvação’ no Judaísmo, está indagando sobre uma das duas coisas: Ou em que momento a pessoa tem uma experiência de começar a se relacionar com o Eterno, algum momento de transformação espiritual, por assim dizer. Ou está querendo indagar como é que a pessoa assegura um bom destino na vida após a morte.

No primeiro caso, novamente se esbarra na questão de que esse conceito não existe no Judaísmo. No Cristianismo, há um entendimento de que o ser humano está, em virtude do pecado, numa condição de desconexão com o Criador, e que a experiência de salvação marcaria o início de uma volta a se relacionar com Ele. E sem a fé no Messias cristão, isso é impossível de acontecer.

No Judaísmo, não existe a ideia de que o Eterno seja inacessível ao ser humano, e que o relacionamento precise ser restaurado. Pelo contrário, encontramos as seguintes afirmações:

“Perto está ADONAY de todos os que o invocam, de todos os que o invocam em verdade.” (Tehilim/Salmos 145:18)

“Para onde me irei do teu sopro, ou para onde fugirei da tua face? Se subir ao céu, lá tu estás; se fizer no inferno a minha cama, eis que tu ali estás também. Se tomar as asas da alva, se habitar nas extremidades do mar.” (Tehilim/Salmos 139:7-9)

Ou seja, não apenas o Eterno está acessível a todo aquele que o invocar, como ainda é impossível fugir de sua presença.

Não há momento em que o Eterno não se relacione conosco. Esse relacionamento é inquebrável, por misericórdia dEle, mesmo quando pecamos. Acaso um pai diria ao seu filho: ‘Está tudo terminado entre nós’?

Rambam (Maimônides) diz:


”Se alguém imaginar que nenhuma das criaturas existe à parte dEle, somente Ele continuaria a existir, e a anulação da [existência] deles não anularia a Sua existência, porque todas as criaturas necessitam dEle [para existir], e Ele, bendito seja, não necessita delas nem de qualquer um.” (Mishnê Torá – Sefer haMadá` – Hilkhot Yessodê haTorá 1:3)

Se, por uma fração de segundo, nos fosse possível romper a conexão que temos com o Criador, nós simplesmente deixaríamos de existir imediatamente. Em sendo assim, não há conexão a ser restaurada dentro do conceito judaico.

Os momentos em que o Eterno se diz distante de Israel, ou dos pecadores, é entendido como um antropomorfismo (e portanto algo figurativo), que indica que o Eterno retirará daquela pessoa Suas bênçãos, ou a Sua proteção. Não há um afastamento real, até porque o Eterno não está sujeito à distância física.

Prese seu marido (capitulo 05)


Querida filha! Esteja sempre disponível para seu marido e não o evite. Assim você o protegerá de transgressões, particularmente nesta geração, na qual a falta de recato e a libertinagem nas ruas são tão grandes, e tudo é repugnante e repulsivo, porque a impureza dos povos do mundo se misturou e difundiu entre nós, e as mulheres se despojaram da virtude do recato e da modéstia, andando com poucas roupas, a fim de armarem uma cilada para que as pessoas cometam pecados.

Assim, se você estiver sempre disponível para o seu marido em seu tempo de pureza, enfeitando-se na presença dele e demonstrando-lhe seu amor, você o preservará de todo mal e terá uma recompensa muito grande nos Céus. Pois quando ajuda o marido a aplacar seu instinto, protegendo-o de transgressões, a mulher tem enorme valor e retribuição em todos os mundos. A promessa feita por Deus, bendito seja, para as mulheres é muito maior do que para os homens, pois elas esperam por seus maridos e os ajudam a resguardar-se dos pecados. (Berachot 17)

Esteja sempre disposta a que ele satisfaça seu desejo com você. Desta forma seu amor será redobrado, e ele fará todas as suas vontades. Nossos santos sábios disseram (Eruvin 100): `toda mulher que cobra do marido o cumprimento da mitsvá é recompensada com filhos que não existiram nem mesmo na época de Moshe.`Se você estiver sempre esperando seu marido com amor, suas mentes se tornarão uma só.

Querida filha! Não dê pouca importância a isso, pois esse é i grande princípio da vida conjugal, e disso dependem todos os laços e uniões amorosas entre vocês. Portanto, aja com sabedoria! Esteja disponível para o seu marido em seu período de preza e assim conquistará seu coração completamente. Além disso, por seu intermédio, ele ficará protegido de todo tipo de transgressão e pecado, e sua recompensa nos Céus crescerá.

Não deixe que mulheres todas e fúteis confundam sua cabeça, aconselhando-a a manter abstinência. Pois nossos santos sábios sempre foram muitos severos em relação a isso e disseram que a mulher abstinente faz parte dos que destroem e anulam a existência do mundo (Sota 20)`.
Por conseguinte, jamais atrase sua purificação. Logo que puder, purifique-se para seu marido com muita vontade e alegria. Pois assim Deus, bendito seja, lhe dará filhos e filhas doces, sábios, inteligentes e sinceramente tementes a Deus. Seu lar se transformará num Gan Éden, seu marido terá o pensamento constantemente fixo em você, sem pensar em nenhuma outra mulher, e seu amor será muito forte e intenso.

Portanto, querida filha, saiba que se você estiver sempre disponível para seu marido, poderá conseguir dele tudo que quiser, porque ele verá que você se dedica inteiramente a ele e satisfaz a sua vontade. Então, automaticamente, sua vontade será a dele, e você será a mais feliz das mulheres.


Texto do livro: PREZE SEU MARIDO.

PREZE SEU MARIDO. (CAPITULO 4)

Sexta-feira, 24 de janeiro de 2014.

Querida filha! Empenhe-se em vestir roupas limpas e cuidadas, enfeite-se e embeleze-se sempre e ostente um sorrido nos lábios. Desta forma, nunca será depreciada aos olhos de seu marido. Pois quando a mulher zela pela limpeza de seu corpo e de suas vestimentas, o marido focaliza todos os seus pensamentos e sentimentos na esposa, e o amor a ela penetra em seu coração.
Mesmo se houver ocasiões nas quais você, de tanta pobreza (Deus nos live), não tenha nada para usar além de vestes esfarrapadas, esforce-se para manter o corpo e as roupas asseados. Isto despertará o amor de seu marido, fazendo-o lembrar-se de você constantemente e ajudá-la. Porém, se negligenciar a higiene de seu corpo e de suas roupas, você afastará seu marido e será desvalorizada a seus olhos. Dê muita importância a esse assunto, pois o marido se sente enaltecido e engrandecido quando a esposa anda com o corpo e as roupas limpos, e isso aproxima suas mentes. Portanto, querida filha, seja zelosa e tome muito cuidado com isso.

texto do livro: Preze seu Marido.

TOV LEHODOT L´HASHEM!

"É bom podermos agradecer a D´s"

Temos que agradecer ao Criador por cada minuto, cada segundo de nossas vidas pois somos totalmente frágeis e pequenos diante da grandiosidade do universo.
Em uma fração de segundo podemos ceifá-la, podemos perder tudo o que levamos anos e anos para construir. 
Cada vez que nos deparamos com tragédias vemos o quão somos "insignificantes" e o quão dependemos da sorte de não estarmos no lugar errado e na hora errada. 

BARUCH HASHEM YOM YOM!

"Abençoado seja o Criador por cada dia"

quinta-feira, 23 de janeiro de 2014

PREZE SEU MARIDO. (CAPITULO 03)

Querida filha! Lembre-se da grande bondade que lhe fez Deus, bendito seja, dando-lhe um marido. Contudo, as qualidades e o comportamento dele em relação a você dependem apenas de você mesma, como contam nossos santos sábios (Bereshit Rabá, cap. 17, artigo 7) `Um homem muito devoto era casado com uma mulher muito devota. Como não tinham filhos, resolveram divorciar-se. O homem devoto casou-se com uma mulher perversa, que o corrompeu, e a mulher devota casou-se com um homem perverso, tormando-o devoto.
Daqui se conclui que tudo provém da mulher`. A mulher possui forças imensas e deve saber aproveitá-las da melhor forma possível. Então, mesmo se o marido for um homem extremamente cruel (Deus nos livre), um sujeito irresponsável e muito mau, a mulher pode transformá-lo completamente. Se você for paciente e mostrar-lhe sempre um semblante alegre, se respeitá-lo muito, como se ele fosse um rei, e elogiá-lo por qualquer coisa pequena que fizer, como se se tratasse de algo importantíssimo, o coração e a mente dele se tornarão afáveis, e logo ele estará disposto a aceitar sua opinião e conselhos.
Todavia, isso não ocorrerá se você criticar constantemente seus atos, seu comportamento e seu modo de ser, desprezando-o e humilhando-o. Então, com certeza, acontecerá justamente o oposto: dessa situação só brotarão desavenças e discussões.
Saiba que todo homem é orgulhoso por natureza e, quando não consegue ser superior, despeja sua ira, raiva e fúria sobre a esposa. Contudo, quando a mulher concorda com ele, mostra-lhe o respeito aparente que ele deseja e se desmancha em elogios diante de tudo que ele faz, ela serena sua mente, pois o faz perceber que existe alguém que o valoriza e reconhece sua sabedoria. então ele se volta completamente para a esposa.
Por isso, querida filha, mesmo quando você notar que seu marido disse algo tolo, ou agiu de forma inconveniente, trate de lidar com ele com muita sabedoria. acostume-se a elogiá-lo, exalte sua sabedoria e beleza. assim, sua mente se acalmará, e ele ficará afável, pois perceberá que existe pelo menos alguém no mundo que o compreende. Dessa forma, sempre se preocupará com você e a amará eternamente, ouvirá seus conselhos e fará sua vontade. O principal é que você o preze e valorize, e que ele seja como um rei a seus olhos; então ele a terá como rainha.

Texto do livro: Preze Seu Marido


terça-feira, 14 de janeiro de 2014

Tiramisu-Italiana

                 

Um dos doces mais tradicionais e populares da Itália pode ser feito aí na sua casa, você vai arrasar na sobremesa. Pelo nome, você até poderia achar que é um prato japonês, mas o real significado de tiramisù, no dialeto do Veneto, norte da Itália, é “levanta-me”! Por ser energético, recebeu esse nome na junção do verbo “tirare” (puxar) com “mi” (me) e “sù” (para cima).

 Vamos à receita?  Eccola!

 Ingredientes:

150g de biscoito champanhe

2 colheres de sopa de açúcar

250g de queijo mascarpone

175 ml de café solúvel

1 colher de sopa de cacau em pó

2 colheres de sopa de vinho branco licoroso

6 gotas de essência de baunilha

opcional: 1 colher de sopa de conhaque

2 gemas

Modo de fazer

 Em uma batedeira misture as gemas e o açúcar, bata até ficar bem cremoso. Adicione a essência de baunilha e o mascarpone, bata o suficiente para misturar os ingredientes (deve ficar espessa e cremosa).

 Em outra vasilha misture o café, o vinho e o conhaque (opcional). Mergulhe rapidamente os biscoitos nessa mistura, o suficiente para umedecer sem empapar.

 Cubra o fundo de uma forma de vidro com uma camada de biscoito, cubra com o creme de mascarpone, vá alternando as camadas (biscoito e creme). Termine com a camada de creme. Peneire o cacau por cima e coloque na geladeira por mais ou menos 4 horas. Vai ficar uma delícia!!

Dificuldade : 3 / 10

Tempo de preparo: 30 min

 Rendimento: 6 pessoas


PREZE SEU MARIDO (Capítulo 02)


14.Jan, 2014/ 13 Shevat, 5774.
Querida filha! Saiba que tudo em seu marido depende de você – seja para o bem, seja par o mal. Pois a mulher possui forças extraordinárias para dirigir o marido da forma que quiser, bastando para isso usar sua inteligência e perspicácia.

Como disse o mais sábio dos homens (Mishlê 14): A sabedoria das mulheres constrói sua casa, e a tola a destrói com as próprias mãos. Por meio de sua sabedoria, a mulher sabe como lidar com o marido, respeita-lo e despertar sua afeição. Assim ela constrói um lar caloroso, onde o casal viverá com muito amor, carinho e compreensão.
Porém , em caso contrário, quando a mulher não usa sua inteligência e sabedoria, agindo como tola e cometendo erros, ela pode destruir o lar, transformando-o num guehinom. Desse modo, o lar se torna amargo e caótico, com gritos e desavenças constantes, a ponto de o marido passar a evitar ficar em casa. Afinal, quem quer morar num guehinom? Ele fica vagando fora de casa, acaba caindo numa cilada (Deus nos livre), e assim o lar é totalmente desfeito.

Tudo isso porque a mulher não soube lidar com o marido usando inteligência e conhecimento, sabedoria e compreensão. Por outro lado, quando usa um mínimo de inteligência e conhecimento, sabedoria e compreensão, a mulher é capaz de atrair o marido, porque possui uma força poderosa e grande influência sobre ele, desde que saiba utilizar esta arma.

Texto extraído do livro: Preze Seu Marido