sexta-feira, 28 de março de 2014

A relação entre o judeu e o Tsadik.

A relação entre o judeu e o Tsadik é um elemento fundamental no judaísmo. Quando nossos antepassados testemunharam a entrega da Torá no Monte Sinai, eles ouviram o primeiro mandamento de D’us, enquanto todos os outros mandamentos foram transmitidos através do Tsadik, Moshê.
E por que isso? Porque a Torá é ensinada através de um rabino. A relação com o rabino é uma parte essencial da experiência da Torá. O Tsadik vive a Torá, portanto, quando nos conectamos e nos ligamos a elenos conectamos à Torá de uma forma muito mais profunda do que se pode conseguir com o mero estudo acadêmico. Através do reconhecimento de nossas fraquezas e aceitando que o Tsadik é muito mais sábio e Santo, do que nós, podemos então conseguir não só aprender com sua sabedoria, mas também está mais perto de D’us.
Através das gerações tivemos muitos Tsadikim diferentes que serviram como guias e mostraram-nos como aplicar a Torá em nossas vidas. Os Chassidim de Breslev consideram Rebe Nachman seu Tsadik, seu guia espiritual. Mas Rebe Nachman já não vive! Como é possível se conectar a ele? Como poder desenvolver um relacionamento profundo e duradouro com um líder espiritual que já não vive? A resposta é: Através do estudo de seus ensinamentos e incorporá-los em nossa vida diária.
O Rabino Shalom Arush, diretor das instituições “Chut Shel Chesed”(“linha de bondade”) sugere três chaves poderosas e adequadas para alcançar a conexão com o Tsadik. Em um período tão difícil como o que estamos vivendo, espero que o mérito da conexão com o Tsadik traga a redenção ao mundo.
Quais são as três sugestões do Rabino Shalom Arush?
1) Estude os ensinamentos de Rebe Nachman;
2) Dê “Tsedaká” (Caridade);
3) Faça Hitbodedut – Isolamento para rezar e falar com D’us.

Nenhum comentário:

Postar um comentário