terça-feira, 2 de dezembro de 2014

“Lembrai-vos da mulher de Ló”

Uma palavra especial para você, mulher
Hoje, quero dedicar uma palavra especial para você, mulher valorosa, cujo valor excede o de finas joias (Pv. 31.10). Desejo lhe falar sobre a mulher de Ló. Mas por que falar sobre ela? Uma mulher cujo nome nem sabemos? A resposta é simples: entre várias mulheres da torah e do tanah, Yeshua pediu que lembrássemos apenas dela.
Ló era um homem justo (2 Pedro 2.8). Ele, juntamente com sua esposa e suas duas filhas, deixou a cidade de Sodoma no dia da sua destruição. A mulher de Ló caiu no triste erro de olhar para trás, em direção a cidade. Ela colocou o seu coração nos bens materiais e não nas coisas celestiais (Hb. 11.10). Olhou para trás porque seu coração continuava “preso” em Sodoma (Gn. 19.17-26). Essa atitude foi uma desobediência à ordem de D'us. Ela morreu imediatamente, transformando-se em uma estátua de sal.
É interessante observar que a expressão: “Lembrai-vos da mulher de Ló” (Lc. 17.32), é uma advertência, uma forma de trazer à nossa memória, por intermédio do exemplo da esposa de Ló, as consequências da desobediência. Várias lições podem ser tiradas dessa passagem das escrituras, mas vamos abordar apenas duas que julgo importante para você, mulher.
A primeira lição que aprendemos com a atitude de “olhar para trás” é o perigo do retrocesso na vida espiritual. Quantas mulheres, à semelhança da esposa de Ló, foram transformadas, não em estátuas de sal, mas em pessoas frias, de coração de pedra, sem mobilidade espiritual, voltadas apenas para o passado. Talvez você já tenha ouvido a seguinte frase: “Antigamente tudo era melhor; ai que saudades!”. Querida, não quero dizer que você não possa ter recordações, ao contrário, pois somos seres humanos, porém não devemos nos prender ao que já passou. Viva o hoje, o agora! Siga em frente. Olhar para trás, para as coisas que já passaram, pode levar sua vida a um retrocesso espiritual, ou seja, você para no tempo, não progride, não anda, sua vida fica travada. Lembre-se de que a vida continua, você jamais poderá fazer o tempo voltar. Por isso siga em frente, mesmo que haja obstáculos, siga em frente. “Irmãos, quanto a mim, não julgo que o haja alcançado; mas uma coisa faço, e é que, esquecendo-me das coisas que atrás ficam, e avançando para as que estão adiante, prossigo para o alvo .” (Fp 3:13-14.)
A segunda lição está na desobediência. É preciso estar atenta à voz de D'us. A mulher de Ló foi transformada em uma estátua de sal, um monumento à desobediência. Ela não levou a sério a ordem de D'us. Muitas mulheres têm trilhado o mesmo caminho: o da desobediência. A Palavra de D'us diz que “toda mulher sábia edifica a sua casa; a insensata, porém, derruba-a com as suas mãos” (Pv. 14.1). Você, mulher, é a coluna espiritual da sua casa. A desobediência pode desestruturar completamente o seu lar, transformando você e toda a sua família em “estátuas de sal”. Seja sábia. Pergunte sempre ao Eterno qual a melhor atitude a ser tomada nos momentos de decisões e de aflições. Decisões precipitadas e desobediência podem impedir os sonhos do coração de D'us para você
Querida, poderia falar aqui sobre muitas coisas, mas o Eterno é quem nos conduz. Essa foi a Palavra que D'us colocou no meu coração para a sua vida. Espero que por meio deste texto você venha se despertar no sentido de conhecer a vontade de nosso D'us. A mensagem do Eterno para a sua vida neste dia é: “Ninguém que lança a mão no arado e olha para trás é apto para o Reino de D'us”, portanto “hoje, se ouvirdes a sua voz, não endureçais os vossos corações...” (Lc. 9.62; Hb. 3.15 a)
Que Eterno continue lhe abençoando !

Nenhum comentário:

Postar um comentário