quinta-feira, 10 de março de 2016

Acendimento de velas.


A responsabilidade de guardar o shabat vem acompanhada do acendimento de velas, segundo a tradição judaica e o Talmud, consta no Midrash que nossa matriarca Sarah, todos os inícios do Shabat acendia uma lamparina e de uma forma milagrosa essa luz era mantida durante uma semana ate o inicio do próximo shabat, quando Sarah morreu, Rivka continuou esta prática, quando foi levada na tenda de Sarah como destino de ser esposa de Isaac, a luz voltou a brilhar (Midrash Rabbah, Bereshit 60)!!
Está tradição é feita desde então, por 3700 anos!! O ato de acendimento de velas está interligado com as matriarcas!! Além disso, a interpretação que Moshe teve no monte Sinai, constatando em Shemot 35:3, especifica sobre o acendimento de velas, as refeições eram feitas no brilho das luzes que eram acendidas antes do shabat começar!! Depois do cativeiro da babilônia está prática tornou-se mais real entre os filhos de HaShem!!
Pelo fato da Torah oral ter sido estipulada pelo sinédrio e na Escritura consta que o Eterno escolheu entre o povo juízes para julgar (Devarim 16:18, Bamidbar 11:16), o sinédrio foi encarregado de manter e interpretar a Torah oral, e tem um mandamento que inclui esta responsabilidade!!

Nenhum comentário:

Postar um comentário