segunda-feira, 31 de outubro de 2016

A Família.

A família é de grande importância dentro de qualquer organização comunitária. A família tradicional tem sua formação na união de duas pessoas, homem e mulher. Mas essa unidade prevista na Torah (Bereshit.1-17), vem do compromisso verdadeiro entre as almas. Hashem perfeito nos quer perfeito e a fidelidade necessária a um casal, é a virtude máxima desse encontro. Para o um homem que se diz único para sua companheira, não pode haver outra possibilidade que não seja aquela que Hashem assim designou. (Rab. David A. Cooper - Mística Judaica). Não pode haver uma segunda, terceira ou outra opção, já que seria uma adulteração. Para a mulher a Torah é clara quanto à  essa reparação. Para o homem também existem juízos (Devarim). Um homem assim como uma mulher serão de apenas um, todas as vezes que respeitarem o recato a exclusividade e a Torah. Sempre  que transgrediram ainda que sem contato deliberado físico, o erro se fará presente e com ele a maldição. Portanto a base familiar deve vir do exemplo e da atenção, aquilo que o Altíssimo determinou, homem e mulher Ele os criou. Todo desvio do caminho é tempo para reflexão e reparo. A Torá nos ensina que os casamentos são 'combinados' nos Céus. Diz o Talmud (no tratado Sotá 2a): 'Quarenta dias antes da concepção é decretado nos Céus que a filha desta pessoa está prometida ao filho daquela outra'. Portanto qualquer desvio é abominação.

Nenhum comentário:

Postar um comentário