segunda-feira, 27 de fevereiro de 2017

Devolvendo a dignidade

Um rabino idoso sentou-se na sinagoga e cumprimentou um jovem rapaz que estava sentado na cadeira ao lado. O rabino perguntou ao jovem se ele era o Sr. Goodman, e o jovem confirmou. Então o rabino disse:

- Sr. Goodman, gostaria de te dar parabéns pelo seu incrível trabalho de "Shalom Bait" (Paz familiar).

O Sr. Goodman agradeceu pelo elogio, mas disse que era um engano, pois ele era apenas um jovem estudante de Torá, recém-casado, que nunca havia se envolvido com aconselhamentos de "Shalom Bait" na vida.

- O elogio certamente é para você - insistiu o rabino - E vou te explicar porque. Há um casal aqui em Bnei Brak que estava passando por terríveis problemas de "Shalom Bait". Eu vinha trabalhando com este casal por mais de seis meses, mas não estava sentindo nenhuma melhora. Na verdade, eu já estava quase desistindo, pois infelizmente sentia que não havia mais nada para fazer.

- Há algumas semanas você estava em uma pequena sinagoga e havia do seu lado um garoto de quatorze anos de idade que estudava sem parar, e este garoto te deixou muito bem impressionado - continuou o rabino - Então o que você fez depois? Você foi até a parte de trás da sinagoga, onde o pai dele estava sentado, e disse: "Meus parabéns pelo filho maravilhoso você tem. Que orgulho!". Você se lembra disso?

O Sr. Goodman lembrava-se vagamente da história, e começou a ficar assustado com aquele rabino que sabia tantos detalhes da sua vida. Vendo a confusão no rosto do Sr. Goodman, o rabino abriu um sorriso e concluiu:

- Então, aquele homem que você elogiou era justamente o marido que estava tendo problemas de "Shalom Bait" com a esposa. Grande parte dos problemas era consequência da baixa autoestima dele. Mas seu elogio a respeito do filho dele mudou tudo. Você devolveu a ele sua honra, e foi como se você tivesse injetado novamente vida em suas veias. Ele saiu da sinagoga um novo homem. Parou em uma floricultura e comprou para a esposa um buquê de rosas e, em seguida, comprou uma caixa do chocolate favorito dela. A partir deste dia sua casa se transformou em um verdadeiro "Gan Éden" (Paraíso). O que eu não pude ajudar em seis meses de trabalho intensivo, você conseguiu com apenas um elogio. Com suas palavras, você deu dignidade a este homem. Assim, mais uma vez, parabéns pelo seu incrível trabalho de "Shalom Bait" (História Real).      
Fonte: Blog do Rav Efraim Birbojm.

quarta-feira, 15 de fevereiro de 2017

ÉTICA DOS PAIS:

Rabi Chaniná Ben Dossá diz:
Todo aquele cujo temor ao pecado precede a sua sabedoria,
sua sabedoria perdurará; mas todo aquele cuja sabedoria precede ao seu temor do pecado, sua sabedoria não perdurará.
Ele costumava dizer:
Todo aquele cujas boas ações excedam sua sabedoria, sua sabedoria perdurará; mas todo aquele cuja sabedoria exceda suas boas ações, sua sabedoria não perdurará.
(Ética dos Pais Cap 3 Mishná 9 e 10)

Como preparar-se para um bom casamento.

Construir um prédio exige preparação meticulosa. Antes de lançar o alicerce, é preciso adquirir o terreno e desenhar as plantas.
O que se aplica a construir um prédio, aplica-se também a construir um bom casamento. Muitos dizem: "Quero me casar." Mas quantos param para calcular o custo?
Embora a Tora fale bem do casamento, ela também chama a atenção aos seus desafios.
Por conseguinte, os que pensam em se casar têm de ter um conceito realístico tanto das bênçãos como dos custos de estar casado.
A Tora pode nos ajudar. Os seus conselhos são inspirados pelo Criador.

Shalom, shalom.

Como acabar com as brigas na família.

O que fazer se na sua família as brigas estão se tornando um circulo vicioso?
Talvez as discussões sejam cada vez mais fortes e frequentes.
Pode ser que às vezes vocês nem saibam como o desentendimento começou.
Mesmo assim vocês se amam e não querem magoar um ao outro.
   É importante lembrar  que diferenças de opinião não indicam necessariamente
que sua família está se desfazendo.
Na verdade, o que determina se o ambiente familiar vai ser tranquilo ou tenso
não são os desacordos em si, mas o modo como se lida com eles.

Exemplo:
1. Não pague na mesma moeda.
2. Tente ouvi-lo.
3. Quando ele ficar nervoso, cale-se, espere o nervoso dele passar.
Sei que é muito difícil mas se você o ama vale a pena tentar.
4. Tente agrada-lo fazendo o que ele gosta.
5. Espere um momento bom para expor o que esta te chateando, e não fale com medo, fale com
certeza do que quer. mas sem exercer autoridade, fale calmamente.

Shalom, shalom para todas.

Tehilim 145

 Exaltar-te-ei, meu D'us e meu Rei, e bendirei sempre Teu Nome.  Sim, Louvar-te-ei a cada dia, e Teu Nome hei de eternamente abençoar. Grande é o Eterno e digno de todos os louvores, pois incomensurável é Sua grandeza. Cada geração transmitirá à seguinte o louvor de Tuas obras, e narrará a grandeza de Teus poderosos feitos. Meus pensamentos se voltarão para o esplendor de Tua Majestade, e sobre as maravilhas de Tuas realizações falarei sempre. Sobre Teu poder temível e sobre a abundância de Tua generosidade não deixarei de me pronunciar, e sobre Tua permanente retidão cantarei exultante. Piedoso e pleno de bondade é o Eterno, tardio em irar-Se, e sempre pronto a ser generoso. Ele é bom para com todos e o manifesta através de todos os Seus feitos. Hão de agradecer-Te todos os frutos de Tua criação, e abençoar-Te todos os que Te são devotados. Sobre Teu reinado de glória falarão e sobre Teu poder narrarão, para dar a conhecer a todos os seres humanos Teus atos poderosos e o glorioso esplendor de Teu reino, pois ele se mantém por toda a eternidade e sobre todas as gerações manifesta Seu domínio. O Eterno reergue todos os caídos, e dá apoio a todos os abatidos.  Os olhos de todos se voltam para Ti com esperança, e o alimento de que precisam lhes proporciona no tempo apropriado. Abres Tuas mãos e satisfazes os anseios de todos os seres. Justos são todos os caminhos do Eterno e repletos de magnanimidade todos os Seus atos. Está sempre próximo dos que O invocam, dos que por Ele clamam com sinceridade. Atenderá o desejo dos que O temem; seu clamor há de escutar e lhes trará a salvação. Ele protege aos que O amam, mas certamente destruirá os malévolos. Que proclame minha boca o louvor do Eterno, e bendiga toda criatura Seu santo Nome por todo o sempre!


terça-feira, 7 de fevereiro de 2017

O momento é hoje.

O "ontem" passou.
O "amanhã" ainda não nos pertence.
O milagre da vida chama-se ‘agora’.
Eu te agradeço H'Shem por este momento ímpar de sinais que tens me dado, que os viva com toda a intensidade. Pois este momento é único.

Shalom, shalom.








domingo, 5 de fevereiro de 2017

Reflexão.

"Certa vez uma menina viu um lago cercado de floresta frondosa. Resolveu ela então, abaixar-se e uma folha pegar. No outro lado um homem chegou perto e lhe perguntou: " porque te importas em tirar está folha já morta?" A menina mansamente lhe disse: " não é uma folha é uma vida que a natureza novamente colheu" então perturbado e sem entender o homem replicou: "me atrasas o caminho parando a minha frente. No que a menina lhe devolveu: "não somos pressa e vontade, somos momento e reflexão de um momento que guarda e recolhe a vida nos raros momentos de calma. Tão apressado o homem estava que não percebeu que a folha colhida era sua vida amparada pelo anjo do dia que a tudo percebia. 

Bom para refletirmos, shalom a todos.

Pensamento instantâneo.

Dizem que as perolas são produzidas pelas feridas da ostras causadas por pequenos grãos de areia, eu cá fico pensando como pode uma ferida produzir algo tão belo e de tamanho valor!... Bom seria se nossas feridas produzissem pérolas... mas infelizmente muitos estão tão focados nos grãos de areia , que as feridas ao invés de serem produtivas , infeccionam a alma e tiram a beleza dos corações. Lembrem-se , as pérolas são produzidas pelas feridas que cicatrizam, e não pelos grãos que as causam... que tudo em nossa vida por mais absurdo que seja tem um propósito, tem um porque, e por mais difícil e pesado que seja , a gente só vai entender quando começarmos a produzir pérolas de crescimento, de força, de ousadia, de batalhas vencidas.... Melhor que se importar com os grãos é cuidar das suas feridas...

Reflita.

Nossos sábios nos ensinam que se alguém é afligido por algum problema, deve meditar sobre o ocorrido, rever seus comportamentos e aceitar o problema como um chamado Divino às suas atitudes. Normalmente, atribuímos nosso sofrimento a fatores externos e não a nosso desvio de conduta. Reconheça esse chamado. Tudo o que D´us faz é para o nosso bem e Ele está sempre disposto a relevar nossos erros, desde que nos arrependamos.
Fonte: Kolel Israel

sexta-feira, 3 de fevereiro de 2017

Shabat Shalom.

Que nosso Shabat seja abençoado.

Dica de livro para nós hoje.

Tenha fé.
"O bem mais importante da mulher é a emuná. Sem emuná, tudo o que é explicado neste livro não  tem valor.".....
Livro: A Sabedoria da mulher. Pg. 112.

quarta-feira, 1 de fevereiro de 2017

Força de vontade.

"Maria Jiló" é uma senhora de 92 anos, miúda e tão elegante , que todo dia às 08 da manhã ela já está toda vestida, bem penteada e discretamente maquiada, apesar de sua pouca visão.

Hoje ela se mudou para uma casa de repouso: o marido, com quem ela viveu 70 anos, morreu recentemente e não havia outra solução.

Depois de esperar pacientemente por 02 horas na sala de visitas, ela ainda deu um lindo sorriso quando a atendente veio dizer que seu quarto estava pronto. Enquanto ela manobrava o andador em direção ao elevador, a atendente deu uma descrição do seu minúsculo quartinho, inclusive das cortinas floridas que enfeitavam a janela.

A senhora a interrompeu com o entusiasmo de uma garotinha que acabou de ganhar um filhote de cachorrinho:

- Ah, eu amo essas cortinas!
- Dona "Maria Jiló", a senhora ainda nem viu seu quarto. Espera um pouco...
- Isto não tem nada a ver, - ela respondeu - felicidade é algo que você decide por princípio. Se eu vou gostar ou não do meu quarto, não depende de como a mobília vai estar arrumada. Vai depender de como eu preparo minha expectativa.

- E eu já decidi que vou amar. É uma decisão que tomo todo dia quando acordo.

- Sabe, eu posso passar o dia inteiro na cama, contando as dificuldades que tenho em certas partes do meu corpo que não funcionam bem...
Ou posso levantar da cama agradecendo pelas outras partes que ainda me obedecem.

- Simples assim? - pergunta a atendente.

- Nem tanto; isto é para quem tem autocontrole e todos podem aprender. Exigiu de mim um certo 'treino' pelos anos afora, mas é bom saber que ainda posso dirigir meus pensamentos e escolher, em consequência, os sentimentos.

Calmamente a senhora continuou:

- Cada dia é um presente, e enquanto meus olhos se abrirem, vou focalizar o novo dia, mas também as lembranças alegres que eu guardei para esta época da vida. A velhice é como uma conta bancária: você só retira aquilo que guardou. Então, meu conselho para você é depositar um monte de alegrias e felicidade na sua Conta de Lembranças. E, aliás, obrigada por este seu depósito no meu Banco de Lembranças. Como você vê, eu ainda continuo depositando e acredito que, por mais complexa que seja a vida, sábio é quem a simplifica.

Depois ela pediu para anotar:
"""COMO MANTER-SE JOVEM"""

1. Deixe fora os números que não são essenciais. Isto inclui a idade, o peso e a altura. Deixe que os médicos se preocupem com isso.

2. Mantenha os amigos divertidos. Os depressivos procure ajudar se puder.

3. Aprenda sempre. Aprenda mais sobre computadores, artes, jardinagem, o que quer que seja. Não deixe que o cérebro se torne preguiçoso.
'Uma mente preguiçosa é a oficina do Alemão.' E o nome do Alemão é Alzheimer!

4. Aprecie mais as pequenas coisas. Aprecie mais.

5. Ria muitas vezes, durante muito tempo e alto. Ria até lhe faltar o ar. E se tiver um amigo que o faça rir, passe muito e muito tempo com ele/ela!

6. Quando as lágrimas aparecerem. Aguente, sofra e ultrapasse. A única pessoa que fica conosco toda a nossa vida somos nós próprios. VIVA enquanto estiver vivo.

7. Rodeie-se das coisas que ama: a família, animais, plantas, hobbies, o que quer que seja.

8. Tome cuidado com a sua saúde:
Se é boa, mantenha-a.
Se é instável, melhore-a.
Se não consegue melhorá-la, procure ajuda.

9. Não faça viagens de culpa. Faça uma viagem ao centro comercial, até a um país diferente, mas NÃO para onde haja culpa.

10. Diga às pessoas que as ama, e que ama cada oportunidade de estar com elas.

E, se não mandar isto a pelo menos quatro pessoas - quem é que se importa? Serão apenas menos quatro pessoas que deixarão de sorrir ao ver uma mensagem sua.

Mas se puder, pelo menos, partilhe com alguém!
"Um dia você aprende que verdadeiras amizades continuam a crescer mesmo a longas distâncias. E o que importa não é o que você tem na vida, mas quem você tem na vida."

Do mural de: Noemí Weksler